Atualizando informações ...

Demônios

Ref: 9788563877321
 
* Aqui sua compra é 100% segura, compre com tranquilidade.
Simulador de Frete
- Calcular frete
Frete e prazo de entrega
Descrição Geral

Sinopse:

Depois de uma profunda e longa noite de sono, um jovem escritor acorda e se depara com um acontecimento singular: o sol não raiou. Diante dele, uma escuridão quase palpável. Ele começa a entender que, por algum motivo a escapar-lhe, não haverá amanhecer.

Duvidando do que vê, ele procura alguém que possa lhe explicar o que está acontecendo ou ao menos fazer-lhe companhia em tão sufocante situação, mas descobre que estão todos mortos. Depara-se com uma treva angustiante e parte em busca da mulher que ama, sua noiva, desejando que ao menos ela ainda esteja viva. Ao encontrá-la, aparentemente morta, o desespero dele a traz de volta à consciência.

E os dois principiam uma viagem insólita, sentindo o mundo de forma animal, mineral e vegetal.

Um conto em que Aluísio Azevedo mostra por que é considerado um dos mestres do Naturalismo.
Prêmios e edições especiais: Catálogo de Bolonha FNLIJ 2011

 

Temas:
naturalismo; sobrenatural; metamorfose


Gênero:
Conto

 

Literatura:
Jovem


Autora:
Aluísio Azevedo

 

Ilustrador:

Flávio Carneiro

 

Páginas:
72

 

Acabamento:
Brochura

ISBN:
978-85-63877-32-1

Ano de Edição:
2011

Idioma:
Português

Produto Digital:
Não

Dimensões:
17 x 21 cm

 

Editora:
Zit Editora
 

Os Autores:

 

Aluísio Azevedo foi caricaturista, jornalista, romancista e diplomata. Em 1876, embarca para o Rio de Janeiro, e volta para sua terra - São Luís do Maranhão - após a morte do pai, em 1878. A partir de então, começa sua carreira de escritor e publica, em 1881, O mulato, romance marcado pelo tipo de linguagem que ajudaria a definir o que seria chamado de Naturalismo. Nesse mesmo ano, retorna ao Rio para se consolidar como escritor. Suas obras mais conhecidas são Casa de pensão e O cortiço, ambas tomadas como exemplos de prosa naturalista. Foi fundador da Cadeira nº4 da Academia Brasileira de Letras.

 

Flávio Carneiro é ilustrador profissional desde 2002 e atende clientes nos mercados nacional e internacional, atuando principalmente nas áreas publicitária e editorial. Tendo o desenho como ponto de partida, já trabalhou com cinema, design gráfico e web design, quadrinhos, animação e moda. Seus trabalhos já foram apresentados em grandes publicações da área, como Communication Arts, Illustration Now, Illustrators, Archive 200 Best Illustrators Worldwide, 3x3, e reconhecidos pelo mercado com prêmios como Ouro nos festivais de publicidade de Cannes, El Ojo de IberoAmerica, Colunistas de São Paulo e ABP, o Grand Prix no Festival El Sol, além de Melhor Ilustrador pela HQMix. Vive e trabalha em São Paulo.

Comentários

Produtos visualizados

Carregando ...